Páginas

28 dezembro, 2019

O Hábito de se Sentir Mais Seguro

Photo by keli Santos from Pexels



Introdução 


A ideia desse post saiu do post livre # 1.

Obrigado aos anon(s) pela participação.

Estamos em guerra com o mundo e com nós mesmos. Esse conflito nunca terminará.

Mesmo assim você pode encontrar paz em suas próprias verdades.


Como se Sentir mais seguro?


1 - Sofrendo muito


Tem que doer e não pode ser gratuito: simplesmente se cortar para sentir dor seria insanidade, mas sentir dor para se recuperar de uma doença ou para ajudar o próximo: isso eleva seu espírito. Sofrer por razões nobres desenvolve seu autocontrole. 


Situações práticas de Sofrimento  - O que não nos mata, nos deixa mais forte. Normalmente você não morre depois de vivenciar as situações abaixo. As situações práticas se baseiam apenas na minha experiência.

  • Treinos de artes marciais - salvo exageros praticados por profissionais incompetentes, tomar porrada no contexto de treinamento vai te deixar mais calmo e com agressividade controlada. O melhor de tudo é que aqui você também pode bater no seu colega de treino, desde que não o machuque. Ganhar força, músculos, agilidade, perder peso, aumentar naturalmente sua taxa de testosterona - são benefícios da prática desportiva e aumenta sua autoestima, autoconfiança, ereções, energia sexual, orgasmos e torna sua vida melhor. Afie seu corpo e sinta-se mais seguro.
  • Luto - perder alguém que se ama é como envelhecer 10 anos em um mês, mas nem todo mundo se recupera (tem gente que nunca se levanta novamente). Conviva com a perda e sinta-se mais seguro.
  • Ofensas (físicas ou não) não devolvidas - não estou falando de situações de legítima defesa para salvar sua vida. Melhor ainda quando quem te ofende é mais fraco que você, pois você sabe que não reagiu  foi por medo de alguma reação. Controle suas emoções e sinta-se mais seguro.
  • Doenças de média gravidade - se recuperar de alguma coisa como uma pneumonia ou uma cirurgia de apendicite dá um baita ânimo, principalmente se você ficou uns tempos na UTI do hospital e viu pessoas internadas à beira da morte que com certeza nunca sairão vivas dali. Isso deixa os problemas da vida bem menores. Recupere-se e sinta-se mais seguro.



2 - Cercando-se de Cuidados



  • carreira profissional estável
  • reserva de emergência
  • carteira de investimentos diversificada, inclusive em imóveis
  • seguro saúde (plano de saúde),
  • seguro de vida,
  • seguro contra acidentes pessoais,
  • seguro residencial e
  • seguro veicular.
  • plano previdenciário
  • exames médicos regulares.
  • pratica regular de atividade física


3 - Descobrindo que não existe segurança real


Talvez você não se sinta seguro porque acha que não tem motivos para isso. 

A verdade é que o único motivo para se sentir seguro é aceitar que qualquer desgraça pode acontecer com você em qualquer momento e você não pode fazer nada quanto a isso. Perceber sua total impotência diante da vida é a única segurança que você possui.

"A únicas certezas na vida são a morte e os impostos", quem pode esquecer do exemplo do Viver de Construção que tinha acabado de atingir a IF e se revestia de todos os cuidados: mesmo assim faleceu abruptamente. 

Isso não quer dizer que devemos viver descuidadamente, mas sim despreocupadamente. Cerque-se de todos os cuidados que achar por razoáveis, mas saiba que eles apenas aumentam probabilidades favoráveis, mas  não garantem por si só situações almejadas.


"Nunca espere nada. Tudo pode acontecer, por mais ultrajante que pareça. E qualquer coisa pode não acontecer por mais que você ache que deva." - Alvaro Cruz
O fato é que a justiça é um conceito humano. O restante do universo desconhece esse conceito por completo.  (...) se você contrair uma doença fatal ou ganhar uma bolada na loteria, não procure a mão de Deus nisso. Deus não o causou. Nada o causou. Simplesmente aconteceu.(Max Gunther)


Conclusão 


Você vai morrer de qualquer maneira

Sinta-se seguro. 

Vida longa e próspera.

Grande abraço!

________________________________________________________________

27 dezembro, 2019

O Hábito de Tentar de Novo

Photo by Renato Abati from Pexels



Introdução 


Eu deveria ser um fracasso total

Nasci numa família pobre e desestruturada (classe média baixa), fiquei reprovado na escola 5 vezes (graças a Deus pela dependência), fiquei reprovado em mais de dez concursos, fui obeso até os 16-17 anos, quando tinha vinte e poucos anos ganhava 150 reais por mês de mesada e morava com minha mãe (sei que tem gente em situação pior lendo, mas eu também era pobre), minha primeira namorada me largou e fiquei arrasado, não consegui terminar um curso técnico de três anos em escola pública depois de 4 anos... minha vida era um caos.

A Mágica de Tentar Melhor de Novo


Tudo mudou quando vi a luz: eu era idiota e azarado! Se grande parte de meu passado era uma herança de pobreza, meu futuro dependia  principalmente de mim.

Então passei a pesquisar sobre quais fatores poderiam consertar minha vida - aprender como tentar melhor é essencial para continuar progredindo. A solução era seguir a orientação de pessoas melhores que tinham conseguido o resultado que eu buscava em diferentes áreas da minha vida. 

Carreira - sem um fluxo regular de dinheiro pingando na conta bancária não é possível viver em um país capitalista. Como sempre tive boa memória, resolvi decorar leis e passar num concurso, pois preto e pobre no Brasil só faz sucesso em delegacia. 
  • Aprendi com William Douglas (e outros autores) e cursinhos preparatórios todos os macetes que precisava para me dar bem em concorridas provas.

Corpo - Taekwondo salvou meu corpo e musculação me mantém vivo. Uma corridinha de vez em quando faz maravilhas.


  • Atividade física regular, boa alimentação, repouso consistente, suplementos: fazem milagres. Posso citar aqui Flavio Passos, Leandro Twin e Fred Treino Pesado como minhas principais referências.


Finanças - primeiro a Finasfera e depois o Bastter: não me falta dinheiro para um padrão de classe média e vivo bem sem dívidas. 


  • orçamento doméstico, reserva de emergência, carteira de investimentos e aportes são vida.


Hobbies - me ajudaram a manter a sanidade: se minha vida era uma merda, sempre podia escapar da realidade lendo quadrinhos baratos que comprava na banca de jornal (editora abril) ou pegando gratuitamente na biblioteca municipal do meu bairro

  • entretenimento barato é igual punheta - pode te salvar da depressão ou te fazer viver a vida como se estivesse em coma: depende da dose.

Mente - finasfera novamente e vários livros ajudaram e ajudam a melhorar meu mindset


Organização - regras simples podem mudar para melhor você (vide bibliografia):


  • Organização facilita a vida
  • As coisas devem ter um lugar próprio e estar sempre no mesmo lugar
  • Itens do mesmo grupo devem ser armazenados juntos (todas as fotos juntas, todos os documentos juntos, etc.)
  • Não acumule objetos e roupas que não são usados
  • Não compre por impulso coisas que não terão utilidade
  • Armazene todos os seus pertences de maneiras lógica, para que fique fácil guardá-los quando não se precisa mais deles
Social - não tenho como consertar a bostas que as gerações anteriores da minha família fizeram, mas posso me esforçar para ser melhor que eles, ainda que nunca seja perfeito. 


  • Pare de se preocupar
  • não deixe pontas soltas
  • coloque os relacionamentos em dia
  • não carregue mágoas: perdoe e siga em frente
  • livre-se de amigos pouco confiáveis

 Como lidar com o Fracasso?


Simples, tente novamente (reveja seus erros e acertos: mas agora preste mais atenção nos relatos de quem conseguiu antes de você e veja se está esquecendo algum detalhe).

Conclusão


"Conhece a ti mesmo como um fodido e melhora" (Neófito).

Tente de novo, tente melhor.

Grande abraço!

________________________________________________________

26 dezembro, 2019

[Livro] Arrume a Sua Bagunça e Transforme a Sua Vida (2016)/ Kingston, Karen



Introdução


Um tratado prático sobre a bagunça.


Leitura essencial sobre o tema.

B - Lições


1 - Bagunça 


Bagunça é energia estagnada. Enquanto a pessoa está pondo em ordem seu mundo exterior, mudanças também ocorrem no âmbito interior - ao mudar sua casa você também muda as possibilidades de sua vida.


  • "Tudo o que é material é apenas energia em transição. Você pode pensar que possui uma casa ou que tem dinheiro no banco, mas o fato é que não é dono sequer do corpo com o qual você se põe de pé. Ele é emprestado do planeta e, depois de expirado seu tempo, ele será automaticamente reciclado e reaparecerá sob uma forma diferente, sem você."


2 - Categorias de bagunça



  • coisas que você não usa e de que não gosta - quando sua casa está cheia de coisas de que você gosta ou das quais faz bom uso, isso se torna uma fonte inacreditável de apoio e de progresso
  • Não se contente em dar a si mesmo o segundo lugar entre os melhores. Quando você se educa dando a si mesmo o melhor que pode, esse sinal será transmitido e também atrairá o melhor em outras áreas de sua vida. Se estiver com dificuldades financeiras e se estiver apenas "se virando" com a maior parte das coisas que possui, ame-as, seja grato pelo que tem e anime-se com  o pensamento de que logo criará recursos para substituí-las por coisas que o inspirem mais.
  • coisas que estão desarrumadas ou desorganizadas - são coisas que não tem lugar definido ou que têm, mas foram retiradas dele e ficaram misturadas a todo o resto
  • muitas coisas num pequeno espaço - a solução é mudar-se para um lugar maior ou livrar-se de grande parte de suas coisas
  • qualquer coisa inacabada - qualquer coisa inacabada, seja física, mental, emocional ou espiritual, deixa em desordem sua psique. Quando você promete a si mesmo que consertará algo, mas o faz, você perde ainda mais energia e vitalidade.

3 - Como a bagunça afeta você

  • pode fazer você se sentir cansado e letárgico
  • pode retê-lo psicologicamente no passado
  • pode afetar negativamente seu peso
  • pode impedir que você pense com clareza e perder o foco
  • pode alterar a maneira como as pessoas te tratam
  • pode fazer você adiar projetos e ambições, além de custar caro
  • pode causar desarmonia nos seus relacionamentos
  • pode deixá-lo envergonhado


  • "A função do dinheiro não está em tê-lo; ele tem que ser usado. A principal razão para gerar dinheiro é comprar experiências. Você quer chegar ao fim da vida com sua conta bancária zerada, olhar para trás e dizer: 'Meu Deus, olhe a imensa pilha de experiências que acumulei', pois nenhuma de suas lembranças se perderá". (Stuart Wilde)

4 - Localize e elimine a bagunça na sua vida


A bagunça pode estar:

  • em cômodos da sua casa: sala de estar, quarto, banheiro etc
  • em móveis: carro, gavetas, prateleiras, armários etc
  • em acessórios: bolsas, carteiras, bolsos etc 
  • em outras coisas: papeis, murais, computador (bagunça virtual), etc.
  • em outros aspectos: seu corpo, seus hábitos, sua mente, suas emoções etc


Elimine a bagunça:



  • As coisas devem ter um lugar próprio e estar sempre no mesmo lugar
  • Itens do mesmo grupo devem ser armazenados juntos (todas as fotos juntas, todos os documentos juntos, etc.)
  • Não acumule objetos e roupas que não são usados
  • Não compre por impulso coisas que não terão utilidade - pense duas vezes antes de comprar e, se comprar: quando alguma coisa nova entra em sua casa ou escritório, alguma coisa velha sai
  • Armazene todos os seus pertences de maneiras lógica, para que fique fácil guardá-los quando não se precisa mais deles


5 - A desordem dos papéis


  • Livros - para a maioria das pessoas uma ou duas estantes bastam. Acrescente alguns livros de referência que você usa no dia a dia, dê-se ao luxo de possuir alguns outros livros simplesmente porque gosta deles ou porque gosta de sua relação com ele, e se desfaça do restante. (Obs. minha: a autora perdeu uma ótima oportunidade de indicar o uso de livros eletrônicos e do kindle)

  • Revistas, jornais e recortes - se você guardar recortes, crie um sistema de arquivamento para eles e mantenha-os atualizados. Faça triagens periódicas e livre-se de informações que não tenham mais validade. Se você tem uma pilha de recortes à espera de arquivamento estabeleça um prazo razoável para fazer isso (digamos, até o final do mês) e se não forem organizados até então: doe para conhecidos ou estabelecimentos como asilos, hospitais, consultórios etc.
  • Objetos de valor sentimental - Conserve o melhor e jogue fora o restante.
  • Se tiver particular afeto por coisas que remontam a seus anos de tenra infância: fotografe-as para a posteridade e, então, desfaça-se delas. As fotos reterão para sempre essas memórias cheias de afeto e poderão ser guardadas numa pequena fração do espaço que os objetos ocupavam.
  • Fotos - conserve apenas aquelas que o fazem sentir-se bem e desfaça do resto.
  • Escrivaninha ou Mesa de Trabalho - manter somente o que é de fato essencial, como um computador, um telefone, uma caneta, um bloco de anotações. Materiais suplementares, tais como grampeadores, furadores, clipes para papel, bichinhos de pelúcia, saquinhos de bala, e assim por diante, podem ocupar uma prateleira vizinha ou gaveta da escrivaninha
  • Desordem Virtual - delete os arquivos antigos que estão entulhando seu computador ou guarde-os num sistema externo de armazenamento de informações. Depois reorganize o sistema de arquios do PC.
  • Mesmo que não custe muito aumentar a capacidade de armazenamento de seu computador e ela aumente exponencialmente a cada ano, isso não é tão necessário assim: invista em um sistema que tenha só a capacidade de que você precisa e desenvolva ferramentas de busca para que possa encontrar o que quer quando necessário.
  • Emails - desative qualquer dispositivo pra avisá-lo a chegada de um novo e-amil e nunca verifique os seus e-mails logo de manhã cedo: só verifique à tarde.

  • Outras sugestões:
  • Adquira o hábito de descartar impiedosamente tanta papelada supérflua quanto possível
  • nunca anote mensagens para si mesmo em pedaços soltos de papel. Mantenha-as todas em um caderno e, de tempos em tempos, transfira as informações importante para o celular ou computador
  • Use o quadro de avisos somente para assuntos que estão em andamento


6 - Bagunça no uso do tempo

  • "Se todas as máquinas e utensílios que mantemos ao nosso redor realmente economizassem tempo, haveria mais tempo disponível para nós hoje que em qualquer época da história. Mas, curiosamente, parece que temos ainda menos tempo do que alguns anos atrás. É de fato muito divertido ir a algum lugar em que não haja eletricidade, porque, quando você faz isso, você acha que tem tempo de sobra. Em outros lugares, você está muito ocupado trabalhando para pagar as máquinas que o ajudam a poupar tempo, de modo que não tenha que trabalhar tanto". (Benjamin Hoff)

Priorização como prática diária - A vida só funciona se você estabelecer suas prioridade primeiro e depois encaixar o resto em torno delas:

  1. Faça todos os dias uma lista de "coisas a fazer"
  2. Dê prioridade a tudo o que estiver nessa lista
  3. Resolva as coisas seguindo uma ordem decrescente de resultado e nada de adiamentos



7 - Elimine a desordem no seu corpo

  • Limpeza do Cólon - faça semestralmente com a ajuda de um médico ou fitoterapeuta
  • Ingestão e excreção - se você usa uma privada do tipo ocidental, quando for cagar sente-se com o corpo ereto e levante os braços bem acima da cabeça - isso abre o trato intestinal de uma maneira semelhante à posição agachada.
  • Jejum - faça ao final de meses de trabalho intenso e depois da limpeza do cólon. Espirulina ajuda bastante a eliminar a fome. Comece nos primeiros dias com sucos de frutas frescas e espirulina ou hortaliças frescas e orgânicas e água pura. Diminua gradativamente a quantidade de alimentos até poder ingerir apenas água.
  • Rins - melhor ingerir líquidos cerca de meia hora antes de comer e esperar cerca de uma hora e meia ou duas horas depois de comer antes de fazê-lo novamente para não diluir os sucos digestivos
  • Pulmões - a respiração correta não é aquela superficial da parte superior do tórax, mas a profunda, a partir do diafragma, que permite aos órgãos internos serem massageados a cada respiração.
  • sistema linfático - faça caminhadas, natação, exercícios suaves, saltos e trampolim e escovação seca da pele. Evite roupas apertadas.
  • pele -  tome saunas ou banhos turcos. Evite o uso de tecidos sintéticos (látex, náilon, poliéster e outros) e use tecidos naturais como algodão puro (o melhor) e tecidos de linho, seda e lã (bons) e evite lavá-los com sabão biológico, cujos resíduos são absorvidos pelos poros. Faça escovação seca pela manhã diariamente, antes do banho, sempre escovando em direção ao coração e use uma escova de cerdas naturais (encontrável em lojas de produtos naturais).


8 - Elimine a desordem mental e emocional


  • Pare de se preocupar
  • não deixe pontas soltas
  • coloque os relacionamentos em dia
  • não carregue mágoas: perdoe e siga em frente
  • libre-se de amigos pouco confiáveis
  • etc

C - Conclusão 


A eliminação da bagunça em todas as suas formas ajuda a restaurar a clareza e a simplicidade. Quando você mantém a sua volta apenas coisas de que precisa para esta jornada pessoal, em vez de se sobrecarregar com coisas que entulham seu caminho e sua volt para Casa, torna-se muito mais fácil se conectar a seu caminho espiritual. E quando você tiver a sensação de paz e de propósito que vem com isso, nunca mais vai setor necessidade de viver na bagunça novamente.

Ler é vida.

Grande abraço!

____________________________________________________________________

Post Livre #1

Photo by Lum3n.com from Pexels



Pessoal

Esse post é livre: 


  • escreva o que quiser.


Ajude o blog e me deem inspiração sobre o que escrever em 2020.


  • Quais os temas que vocês gostariam de encontrar aqui no Blog?


Quanto mais específica a sugestão, melhor para escrever.


Grande abraço!

P.s.: os comentários serão fechados em 1 semana.




24 dezembro, 2019

[Editorial] Feliz Natal Finasfera!

Photo by Ali Pazani from Pexels


Introdução 



Natal é especial.

Não porque Jesus nasceu no dia 25 (não há certeza) ou porque antigas religiões faziam sacríficos sangrentos aos seus deuses nessa época (isso é verdade).

O Natal é especial porque é uma festa e adoramos festas que nos tocam intimamente.


Rito de Passagem Familiar - Assim como festas de aniversário, há algo diferente no natal: os comemoramos mesmos antes de ter noção do que eles significam e por muito tempo podemos confundir seu significado com meras trocas de presentes ou orgias gastronômicas. A essencial do Natal é ser mais um rito de passagem familiar: ele marca que o tempo que passou não voltará e nos enche de esperança sobre um futuro incerto e eventualmente curto. Esperança de que possamos mais uma vez ter a oportunidade de comer e beber ao lado daqueles que amamos após mais 365 dias, ainda que um dia isso se torne impossível.

Odiar o Natal?


Todo mundo tem problemas.

Famílias desestruturadas, falsas amizades, chifres, dívidas impagáveis, saúde comprometida: tudo isso tira a paz de muita gente.

Mesmo que esses problemas não existissem, muita gente odiaria o natal por outros motivos. 

Pessoalmente acredito que não é o natal em si que desagrade essas pessoas, mas o fato de nessa época perceberem (para esquecer novamente quando chegar o ano novo) que levam uma vida de sofrimento sem sentido. Alguns deles ainda reclamam de ser feriado, pois são obrigados a parar de trabalhar e são obrigados a encarar a vida cheia de vazio que levam.

Entenda: não há problema em sofrer, pois todo humano sente dor dentro de si. O problema está em não poder dar um significado profundo a essa angústia. 


Quem ama seus filhos sabe na hora o verdadeiro significado da vida (o amor, gafanhoto) e suporta qualquer humilhação para poder colocar comida na mesa. Esses sofrerão felizes de barriga cheia na pobreza ao lado dos seus. Por outro lado, muitos em melhor situação financeira chorarão amargamente mesmo em abundância enquanto enchem o cu de drogas para suportar mais um dia. Desculpe o palavrão, mas cu de deprimido é oficina do diabo.



"CHRIST WITH SHOPPING BAGS", 2004 (BANKSY)

 Minha Experiência 


Comemorei cerca de 30 natais ao lado de minha saudosa mãe (nunca perdi um) e, num dia qualquer, ela morreu. 

Porra, mesmo depois de anos consigo chorar  por causa disso e olha que, para fazer chorar um cavalo como eu, precisa de disposição.  Não há dor maior na vida do que perder alguém que amamos de forma tão natural, pura e bela desde o nascimento. Sou grato pelo tempo ao lado dela: nenhum dinheiro do mundo poderia me dar uma experiência mais significativa, mas o foda é que "A morte é o fim de uma vida, mas não de um relacionamento"

Se em outras épocas do ano não lembramos da importância da passagem do tempo e do seu significado para os seres mortais, essa época e ideal para valorizar o contato afetivo com nossos amores.

Conclusão


Primeiramente Feliz Natal e próspero Ano Novo! Desejo paz e prosperidade a todos e, em especial, aos leitores do blog, que aguentam ler as besteiras que escrevo.


A felicidade encontrada em pequenas coisas – conversar com os pais, passear com o cônjuge, brincar com os filhos – pode ser maior que qualquer riqueza. Formar uma família e educar filhos requer tempo e tranquilidade, e não há sucesso financeiro que recompense alguém pelo mau desempenho com a família – seja em relação aos pais, cônjuge ou filhos. (Jurandir Sell Macedo Jr)

Aproveite os relacionamentos, pois isso é aproveitar a vida.

Grande abraço!





______________________________________________________________

Sites consultados:

  • http://www.valoresreais.com/2013/12/23/um-post-blog-virou-cartao-de-natal-sim-cartao-de-natal-e-isso-ah-isso-nao-tem-preco/
  • http://busywomanstripycat.blogspot.com.br/p/downloads_19.html



21 dezembro, 2019

Biblioteca Doméstica e Pessoal

Photo by Jonathan Borba from Pexels

(...) precisamos menos dos livros do que daquilo que eles nos transmitem: inspiração para o futuro.  - Maxwell Gillingham-Ryan


A - Introdução



Somos nossas experiências.

Não somos apenas isso, mas elas dão um baita impacto na nossa personalidade, carreira, ambições e outros aspectos da vida. Conforme vamos envelhecemos  temos a opção de desenvolver nossa inteligência refletindo sobre nosso passado e construindo nosso futuro.

Se, no passado, a única opção era o papiro, hoje tempos uma infinidade de meios, muitos dos quais já estão obsoletos: 

livros, 
quadrinhos
arquivos digitais (jpeg, mkv, docx etc), 
blu-ray, 
cd-rom,  
esculturas, 
fotos
dvd's, 
vhs, 
laser disc
miniaturas, 
posteres, 
revistas,
panfletos


B - Arquivos Físicos e virtuais


Atualmente uma biblioteca cabe em um kindle.

Nem todo mundo tem gosto ou espaço para ter estantes cheias de livros. 

Livros em formatos eletrônicos (.mobi, .epub. .pdf etc) salvam o dia economizando espaço.


Obs.: backup do backup - Para todo arquivo virtual importante (fotos pessoais, por exemplo) lembre de manter um backup do backup. Quem não tem backup do backup não tem nada.

Outro ponto importante são suas anotações: seja em um caderno, agenda, fichas, tablet ou celular  - elas refletem sua compreensão sobre o tema e ajudam a destacar a importância de um tópico na sua vida, dando mais profundidade a experiência de adquirir conhecimento.

Obs.: biblioteca de grifos - Apesar de caro e consumir espaço, grifar livros ainda é um do sistemas mais antigos de selecionar conhecimento, o que no passado gerava "bibliotecas de grifos" pode ser hoje substituído rapidamente por um kindle, que permite grifar e salvar grifos em formato txt, que pode ser facilmente exportado.

C - O que Armazenar?


Nosso maior trabalho é selecionar.

Do mar de informação disponível, pouco pode ser útil para nosso desenvolvimento pessoal ou alegria.

Vejamos meu próprio exemplo: 

  • Temas de minha formação profissional (Carreira): livros, arquivos de vídeos aulas, anotações etc - tudo isso enquanto for relevante ou atualizado
  • Hobbies: revistas, quadrinhos, miniaturas, posteres, dvds etc, enquanto não for possível ou desejável trocar por uma versão digital - aqui entra o prazer do colecionismo: você mantém um objeto pela alegria que ele psicologicamente te traz.
  • Lembranças de família (Social): fotos, vídeos etc, sempre com cópia digital e backups - isso valoriza afetivamente quanto mais o tempo passa. Tenho registros de pessoas queridas que se foram. Sem isso não teria como lembrar de vários momentos especiais.
  • Outras áreas de interesse: finanças, organização, cultura geral etc, tudo preferencialmente digital



D - Estrutura Física

autoria desconhecida
Adoro esse layout

A tabela abaixo foi feita com base no meu Home Office/Biblioteca/ Home Gym. 

O que cada um deve ter vai variar de acordo com suas próprias necessidades:



Móveis


Eletroeletrônicos


Suprimentos e Acessórios


  • 3 estantes de aço - uma delas principalmente para aparelhos eletrônicos
  • prateleiras reguláveis - aproveitam espaços nas paredes
  • 1 rack ou estante baixa - para acessórios de musculação
  • 1 escrivaninha ou mesa para pc
  • 1 cristaleira ou expositor (para brinquedos como, action figures)
  • sofá (já tive no passado e hoje falta espaço, mas é muito bom)

  • televisor  
  • câmera digital  
  • kindle
  • notebook ou desktop
  • tablet ou smatphone
  • hds externos
  • cartões de memória e pen drives 
  • cabos e fontes
  • caixas de som
  • etiquetadora eletrônica
  • impressora multifuncional
  • leitores de blur-ay, dvd.
  • etc

  • sacos plásticos;
  • organizadores - caixas, gaveteiros, aparadores etc;
  • fita durex
  • tinta para impressora
  • etiquetas
  • etc


E - Estrutura Lógica


Aqui há uma mistura de windows, android, sites, aplicativos, plugins e serviços do google - todos gratuitos:

  • feedly (site)- te permite criar uma lista com os sites que vc deseja ler, lê-los e salvar artigos
  • google keep (serviços do google)- agenda gratuita e intuitiva
  • google drive (serviços do google), dropbox e mega.nz - armazenamento gratuito
  • gmail (serviços do google)- vc também pode guardar textos no rascunho do e-mail para editar e usar
  • comic screen (aplicativo android) - para quadrinhos no tablet android
  • Xodo, Foxit (aplicativos android) - leitura e edição de pdfs
  • blogger (serviços do google) - vc pode criar um blog 
  • jdownloader (aplicativo windows)- para organizar downloads
  • favoritos de seu navegador - para guardar links, complementando sua agenda

    Esse print mostra como guardo nos favoritos do chrome
    muitos links interessantes em sub-categorias.


  • Calibre (aplicativo windows) - essencial para organizar ebooks e quadrinhos digitais

  • Outros:
Quer fazer algo em inglês, mas não tem quem traduza para você? Google Translate.
Precisa de um ícone para fazer um logotipo e não sabe mexer em programas de edição? The Noun Project.
Quer fazer um card de Facebook? Canva.com.
Quer um site e não tem quem faça para você? Tumblr, Wordpress, Squarespace, Wix. Mailing? MailChimp.
Formulários? Typeform.
Fontes legais? Dafont. GIFs? Giphy.
Organização de projetos? Wunderlist, Asana.
Trilha sonora? Youtube Audio Library.
Estatística? Google Analytics.
Fotos de graça? Unsplash, The Stocks.
Para todo e qualquer serviço do qual você possa vir a precisar para seu projeto, pode ser encontrado um correspondente free na internet. (Luciano Braga)


Obs.: Vídeos e Games antigos - assim como acontece com videogames antigos que apresentam uma imagem melhor em televisores antigos, vídeos antigos, por sua baixa resolução também são melhor visualizados em telas pequenas ou em tvs de tubo. Por outro lado é muito complicado manter aparelhos antigos, pq ocupam muito espaço e necessitam de manutenção especializada.
A solução mais low cost que encontrei foi ligar um PC ou notebook via HDMI em uma tv moderna de LCD e alterar a resolução da placa de vídeo para 800X600 e obter uma apresentação mais próxima do arquivo de vídeo antigo. Essa resolução não é fixa e procuro alterá-la de acordo com a resolução nativa do vídeo antigo ou do jogo que pretendo emular..


F - Conservação


  • Limpeza - tirar a poeira, evitar pragas etc. limpar as estantes uma vez por mês, tirar todas as coisas do lugar para ver se tem insetos. Usar, se possível, um desumidificador no ambiente
  • Refinar - significa verificar de tempos em tempo se vale a pena continuar mantendo aquele item no acervo de sua biblioteca. Acho bom de fazer a cada 6 meses ou 1 vez por ano.
Vou dar alguns exemplos abaixo:
  • Livros e gibis - com a chegada do Kindle e do tablet, fica cada vez menos necessário manter as edições físicas na estante, mesmo assim certa edições por sua beleza ou valor sentimental merecem ser mantidas. Tenho uma bíblia com a dedicatória escrita a mão por minha falecida mãe - apenas para mim é uma obra de valor inestimável. Tenho quadrinhos lindos: capa dura, papel especial - esses valem a pena conservar junto com outros não tão belos, mas que não possuem versão eletrônica. Por outro lado, também há a opção de trocar uma edição antiga por uma nova ou mais bem conservada.
  • Fotografias - digitalizei todas as fotografias que tinha da minha família e joguei fora os físicos. Se eu tiver saudade, basta imprimir novamente e hoje a tecnologia me permite fazer isso em casa.
  • Cópias amadoras  -  é possível achar na web: cópias amadores com qualidade profissional dos mais diversos materiais feitos por fãs, o que nos permite deixar de guardar muita tralha, como discos, cartuchos de games, dvds, VHS etc

G - Descarte


Acontece também de livros introdutórios perderem a utilidade quando já temos uma boa base teórica em determinado assunto. 

Nesses casos, não havendo apego emocional, a solução é se desfazer da edição o mais rápido possível, pois, nesse caso, o velho não pode tomar ocupar o espaço do novo.
Para onde mandar o inútil? Para:

  • vender, inclusive pela Amazon, mercado livre, olx, enjoei ou sebos;
  • Trocar,
  • dar como presente a amigos ou conhecidos - pessoalmente é a opção que mais gosto, pois não gosto de manter certos itens enquanto espero uma venda que pode nunca chegar, fora o trabalho de colocar no correio, aguardar chegar; tudo pra ganhar uma merreca
  • doar para bibliotecas ou escolas públicas;
  • jogar no lixo (em relação às revistas, uma solução é guardar a reportagem que te interessa e descartar o resto) ou
  • simplesmente abandonar em lugares estratégicos - pontos de ônibus, dentro de transportes coletivos etc.

H - Como organizar?



  • Método 1 - Dividir em Categorias ou Assuntos



Foto: Talita Carlos




  • Observações:
  • recuo de 3 cm da borda da prateleira,
  • não ocupar mais que 90% da prateleira (tem que ter pelo menos 10 de espaço livre, pois o vazio também faz parte da decoração)
  • manter os livros em regra na posição vertical para facilitar o acesso
  • não guardar livros atrás de outros livros: uma única fileira por prateleira.
  • Como tenho interesses muito diferentes, deixo uma estante de aço para material relativo a cultura pop e outra para qualquer temas que não tenha relação com isso. Assim fica mais fácil de controlar meu grau de acumulação física de livros, revistas, mídias físicas etc.


Cantoneiras também são muito úteis
para mantê-los arrumados.
  • Método 2 - Cds, Dvds, Blu-rays

Atualmente penso que esses discos físicos só valem a pena caso de trate de raridades (principalmente pelos extras), ou pelo valor afetivo (principalmente edições de colecionador). Para ripar o disco e guardar em um hd externo atualmente gosto do programa DVD Fab.


Tenho algumas dezenas de discos e vejo que há alguns tem um conteúdo bem pobre, pois nem extras contêm, o que torna praticamente inútil guardá-los fisicamente. Fora que um disco deve durar bem menos tempo que um HD externo.


  • Fichários especiais da Chies - Até agora a melhor maneira de organizar meus discos foi em fichários específicos da Chies, que não são excelentes, mas quebram o galho para economizar espaço. o ponto alto dele é permitir guardar o disco e a capa na mesma folha. Suporta 20 discos (pode-se expandir para 30) e custa cerca de 37 reais. 


  • Maleta porta cd/dvd da Case Logic - adoro essa marca e essa é uma boa maleta que suporta cerca de 300 discos. O único problema é não poder guardar a capa junto com os discos, mas pensando bem: sempre podemos guardar a capa digitalmente (seja escaneando, seja baixando diretamente da web). Achei pelo mercado livre e custou uns 300 reais.

Dvds na pasta da Chies.


Ela também serve para blu-rays.

I - Conclusão 


Absorver conhecimento é essencial.


Resumindo, e aqui evocaremos Montaigne, todo educador visa a formar uma cabeça bem feita: deveria, portanto, visar, não a enchê-la de conhecimentos, informações e "simples fatos" rapidamente caducos, mas desenvolver pela prática essas indispensáveis habilidades de alto nível que, em seguida, o aluno poderá utilizar em diferentes contextos - isto é, transferir - e ao longo de toda a sua vida.A tragédia é que - e Montaigne bem sabia - sem esses simples fatos, essas faculdades intelectuais não conseguem se revelar, e elas não existem independentemente deles: sem uma rica bagagem de conhecimentos em cada forma de saber, não há pensamento crítico, criador, etc., nessa forma de saber. Portanto, volta-se à longa, pesada mas indispensável tarefa de transmitir, pacientemente, pouco a pouco, os diversos conteúdos da cultura geral que decidimos fazer alguém adquirir. (Normand Baillargeon)

Grande abraço!






___________________________________________________