Páginas

03 abril, 2015

[Livro] Aprendendo a Aprender. Como Ter Sucesso em Matemática, Ciências e Qualquer Outra Matéria (2015)/ Barbara Oakley

Acervo pessoal
Meu exemplar: 325 páginas interessantes, 


valeu cada centavo




1 - Introdução


O livro é muito agradável de ler, pois conta com uma linguagem bem objetiva.


Ele reúne pesquisas científicas e experiências pessoais sobre o processo de aprendizagem, principalmente na área de exatas. 

Seu método se baseia essencialmente na diferença entre modo difuso e focado de concentração


2 - Lições




Efeito Einstellung: uma ideia ou sua primeira abordagem ao tentar resolver um problema, evita que uma ideia ou solução melhor seja encontrada. 


Repetição espaçada: consiste em repetir o que você está tentando reter na memória, como uma nova palavra de vocabulário ou uma nova técnica de resolução de problemas, mas espaçando a repetição ao longo de vários dias. 


Isso significa intercalar, que é treinar fazendo uma mistura de diferente tipos de problemas que exigem estratégias diferentes.

Apenas faça, pois repetições fazem parte do jogo e a crítica nos faz melhores.

Trabalhe com um conceito até que ele se torne instintivo, então você pode começar a usá-lo como uma ferramenta.

Você pode reforçar um processo mental "errado" resolvendo várias vezes os mesmos problemas incorretamente. É por isso que conferir as coisas é tão importante. mesmo obter a resposta certa pode ocasionalmente enganá-lo, se você chegou a ela usando um procedimento incorreto.


Lei da Serendipidade: a sorte favorece quem tenta. 

Relaxamento  - O relaxamento é uma parte importante do trabalho duro - e bom trabalho, a propósito. Fechar nosso olhos nos ajuda a fazer uma micropausa que momentaneamente desativa a nossa atenção e nos permite, por um breve momento, revigorar e renovar nossa consciência perspectiva.


Perguntar - Articular a sua pergunta é 80% da batalha. Quando você descobrir o que está causando as dificuldades é provável que você mesmo já tenha respondido à pergunta.


Variação - Às vezes ouvir uma explicação de uma forma ligeiramente diferente pode fazer sua mente encarar o problema de um novo ângulo e despertar a compreensão.


Caminhar - Caminhar estimula a criatividade. O segredo é fazer outra coisa até que seu cérebro esteja livre de qualquer pensamento consciente sobre o problema.


Escutar - Quando você está realmente empacado, não há nada mais útil do que ouvir a opinião de seus colegas, pares ou de seu instrutor.

Lembrar - Fechar o livro e testar se você lembra de como resolver os problemas também ajuda a acelerar sua aprendizagem nesta fase, pois a prática de recordações de informações é muito mais eficaz do que simplesmente reler o material.



3 - Conclusão 


Ao aprender qualquer nova habilidade ou disciplina, precisamos de prática variada e em diferentes contextos: isso ajuda a construir padrões neurais de que precisamos para tornar a nova habilidade uma parte natural de nosso modo de pensar.

Recomendo.

Grande abraço!







____________________________________________________________

Sites recomendados:

  • http://www4.ncsu.edu/unity/lockers/users/f/felder/public/
  • https://pt.coursera.org/lecture/aprender/introducao-aos-modos-difuso-e-focado-IeefW
  • http://learner.org/resources/series28.html

[Livro] Aprendendo Inteligência (2015) / Pierluigi Piazzi

Photo by Abby Chung from Pexels






Introdução 



Não é um livro essencial para quem quer estudar ou fazer concurso público, mas é interessante. 


Dessa forma selecionei alguns dos conselhos do livro.


Conselhos Úteis 


  • Ninguém está estudando se não
    estiver escrevendo (peque um papel e lápis ou caneta, um pedaço de papel e
    escreva – e/ou desenhe – tudo o que for importante naquele texto).
  • Estudar é um ato solitário
    que se realiza escrevendo e desenhando, não lendo ou digitando. Ser estudante é
    ser autodidata.
  • Ler em uma tela que emite luz
    não permite nem 30% da compreensão obtida ao se ler a mesma coisa em papel, que
    reflete luz.
  • Se um texto tiver de ser lido
    e estudado com atenção, deve estar impresso em papel! Um computador sem
    impressora é inútil para quem quiser se preparar de verdade.
  • O cérebro não armazena dados,
    ele armazena os percursos que permitem recriar os dados.
  • Aprender é criar novos
    caminhos neurais.
  • A reconfiguração de redes
    neurais só acontece durante o sono.
  • O ciclo de aprendizagem vai
    de sono a sono.
  • Aprender é aprender para
    sempre, e não apenas para o dia seguinte.




Conclusão


Enfim, independentemente de você estudar para concursos ou não, os princípios ensinados pelo Prof. Pier ajudarão no desenvolvimento de sua mente.


Segundo o autor, quem tem mais chance de se sair bem em um concurso não é o candidato que sabe mais, é aquele que conseguiu se tornar mais inteligente.


Recomendo, contudo, o livro do Meirelles e o da Oakley, que são bem superiores.

Grande abraço!



  • P.s.: Para quem achar melhor, tem uma palestra do mesmo autor que sintetiza bem o livro no youtube.
______________________________________________________




224 páginas de informação útil.


curto e divertido